Destaque em ensaio, Camila Silva diz: ‘Não tô aqui pra roubar o posto de ninguém’

Por João Paulo Saconi

Musa da Mocidade Independente de Padre Miguel, Camila Silva foi uma das componentes mais aplaudidas e assediadas do ensaio técnico da escola neste domingo, 22. Na ausência da rainha de bateria Carmen Mouro, que entregou um atestado médico para justificar a falta, Camila roubou a cena e, por onde passou, conquistou a preferência da galera.

Na Praça da Apoteose, ao fim do treino, a beldade precisou atender a incontáveis pedidos de selfies e recebeu vários elogios pela performance. Entre os comentários positivos, muitos deles pedindo para que ela assumisse o posto de majestade da bateria “Não existe mais quente”.  

Ao Sambarazzo, Camila fez questão de ressaltar que, apesar da torcida, não recebeu convites para ostentar coroa e não cobiça o posto de Carmen.

– Não tô aqui pra roubar o posto de ninguém. Vim somar à escola, não importa o posto. Vou tentar dar o melhor de mim. Acho que gostar de samba é não depender de um posto pra nada – disse a sambista, que já tem um reinado em andamento na Vai-Vai, na folia paulistana.

Mesmo descartando, no momento,  a possibilidade de brilhar à frente dos ritmistas da verde e branco, Camila não esconde que, no fundo, o desejo de um dia ver isso acontecer existe.

– Qual é a mulher que não quer ser rainha de bateria de alguma escola? Mas só o que ouço é burburinho – brincou, aos risos. 

Musa não condena atestado de Carmen

Assim como Rafaela Gomes, rainha de bateria da São Clemente, Camila também poupou críticas à Carmen Mouro pela ausência respaldada por atestado médico e afirmou que, se passasse pela mesma situação, agiria da mesma maneira.

– Nunca aconteceu comigo. Tomara que nunca aconteça, porque gosto de estar junto. Se viesse a acontecer, eu ia faltar como ela fez. Desejo saúde a ela pra que esteja bem no Carnaval – finalizou.