Já é Carnaval! TV Globo começa a gravar série ‘Enredo e Samba’, do RJTV

Por Redação

Da mesma forma que o mundo sente a chegada do Natal quando começam a aparecer as tradicionais decorações pela cidade, o povo do samba tem certeza que já é Carnaval quando o repórter e comentarista Milton Cunha começa a surgir na tela da televisão no comando do quadro “Enredo e Samba” no RJTV, da TV Globo.

A série reestreia em dezembro e chega ao quinto ano consecutivo repetindo a fórmula de sucesso que mobiliza as agremiações para que elas mostrem aos telespectadores quais são os temas, os sambas e alguns detalhes das alegorias e fantasias que vão pintar na Sapucaí no início do ano seguinte. Os dois episódios já gravados até agora são da Unidos do Viradouro e da Portela.

Quando Milton Cunha aparece todo super produzido na tela da TV Globo, o povo do samba já sabe: o Carnaval tá chegando | Foto: Divulgação

Pontos turísticos de Niterói foram pano de fundo

Primeira a participar do quadro, a vermelho e branco de Niterói invadiu na última terça, 27,  espaços pelos quais seus componentes costumam transitar no dia a dia: a estação das barcas de Niterói (município onde fica a sede da agremiação), a travessia da Baía de Guanabara e o Caminho Niemeyer, na região central da cidade. As imagens vão marcar o retorno da Viradouro ao Grupo Especial — a escola foi a última campeã da Série A.

Participaram do papo com Milton Cunha o carnavalesco Paulo Barros, o mestre de bateria Ciça, o intérprete Zé Paulo Sierra, o casal de mestre-sala e porta-bandeira Julinho e Rute Alves, e outros segmentos, como as alas de baianas e passistas, que se apresentaram diante das câmeras da emissora detentora do direito de imagem dos desfiles no Sambódromo.

O carnavalesco Paulo Barros foi entrevistado por Milton Cunha e o casal Julinho e Rute brilhou durante a gravação do quadro “Enredo e Samba”, do RJTV: cada mínimo detalhe registrado com cuidado pelas câmeras da TV Globo | Fotos: Divulgação

Portela gravou em Oswaldo Cruz

Segunda escola pronta para aparecer na atração da Globo, Portela reuniu sua equipe na Praça Paulo da Portela, no bairro de Oswaldo Cruz, onde acontece a famosa Feira das Yabás. É lá que as damas da azul e branco servem seus quitutes para a comunidade em cada edição do evento e também foi lá que os componentes deram voz ao samba em homenagem à cantora Clara Nunes.

Integrante o time de bambas, a pastora da Velha Guarda portelense Tia Surica, o mestre de bateria Nilo Sérgio, o intérprete Gilsinho e o casal de mestre-sala e porta-bandeira, formado por Marlon Lamar e Lucinha Nobre.