Por Redação

Com enredo que passeia por mentes diferenciadas e loucas pra 2018, a Viradouro acabou chamando atenção do Conselho Federal de Psicologia e estará nesta sexta, 8, fazendo um show pra lá de especial em São Paulo.

A escola de samba vai animar a festa de celebração dos 30 anos da Carta de Bauru, que luta pelo fim dos manicômios e por uma reforma psiquiátrica como processo de evolução da saúde mental de loucos, a fim de livrar os doentes do enclausuramento.

O ato humanitário com a luxuosa participação da vermelho e branco de Niterói começa às 17h30 desta sexta, na Praça Rui Barbosa, no Centro de Bauru, com entrada gratuita. Na plateia do show, 800 loucos, que prometem mostrar através da ação social que é possível a integração e a socialização com pessoas sem problemas mentais.

⁃ A Viradouro é a apresentação cultural mais importante do evento. Nosso reconhecimento pela importância do enredo e do samba, que nos lembra que a loucura é o x da questão e nos pergunta: ser ou não ser mais um escravo da razão? Essa é a pergunta que todos farão aqui e a Viradouro nos ajuda, dizendo isso para toda a sociedade. Por isso, nosso reconhecimento deste carnaval da Viradouro para a luta antimanicomial do Brasil – declarou em nota o Conselho Federal de Psicologia.

“Vira a cabeça, pira o coração. Loucos gênios da criação”, do carnavalesco Edson Pereira, é o título do enredo com o qual a Unidos do Viradouro vai lutar pelo título de campeã da Série A.

NENHUM COMENTÁRIO

Deixe uma resposta

+ 47 = 50