Por Kaio Sagaz

Com o público muito empolgado, a Portela saiu da Avenida aos gritos de bicampeã. As arquibancadas populares curtiram, e muito, o desfile da azul e branco.

Muito emocionada, a rainha de bateria Bianca Monteiro não conseguiu segurar as lágrimas. A moça foi ao público e fez uma apresentação especial.

– Eu sou portelense desde criança, fui da ala de passistas e hoje represento o coração da escola. Isso é carnaval. É um dia muito emocionante pra mim – frisou.

Rainha da Portela, Bianca Monteiro amou a exaltação popular no final do desfile – Foto: Michele Iassanori

Presidente da Portela, Luis Carlos Magalhães acredita que essa ânimo a mais do público foi consolidado com o ensaio que a escola fez no Sambódromo, no teste de som e luz.

– foi o que nós precisávamos para ter certeza que daria certo. O portelense gostou do samba e o barração estava lindo, o que deu muito orgulho para todos – contou.

 

Gilsinho saiu radiante do carro de som. Cantor oficial no título do ano passado, ele acredita que o mais importante foi ver o torcedor feliz e brincando.

– Foi maravilhoso o que aconteceu. Os componentes cantaram o tempo todo e o publico respondeu bem, vamos torcer para que os jurados tenham gostado também – disse.

A porta-bandeira Lucinha Nobre fez questão de exibir o seu bailado para os torcedores do setor 13.

Porta-bandeira Lucinha Nobre, da Portela, comemorou festa do povo nos setores populares – Foto: Michele Iassanori

– Esse carinho é fantástico. Esse contato entre a gente e a torcida tem sempre que existir. Muito obrigado aos portelenses – concluiu.

NENHUM COMENTÁRIO

Deixe uma resposta

− 7 = 1