Por Redação

Na tarde deste sábado, 17, centenas de sambistas foram protestar em frente à prefeitura contra a decisão do prefeito Marcelo Crivella de cortar metade da subvenção às escolas de samba.

Figura emblemática do Carnaval carioca, o diretor de carnaval e harmonia da Beija-Flor, Laíla, esteve na manifestação, convocada pela página Sambistas da Depressão. Ao Sambarazzo, ele disse que não votou em Crivella e projetou uma possível convocação oficial da diretorias das agremiações para um evento ainda maior contra a ideia do prefeito do Rio:

– Não votei nele. Estou aqui como cidadão. Se as diretorias decidirem fazer seu carnaval, nós vamos lidar da melhor maneira possível. Modestamente, sei fazer escola de samba. Se os dirigentes tomarem a decisão de convocar as pessoas, isso aqui vai ficar lotado.

Liderados pelo comentarista de carnaval da Globo Milton Cunha, centenas de componentes das escolas e amantes da festa protestaram da prefeitura até o Sambódromo.

 

*Fotos: Irapuã Jeferson/Sambarazzo

NENHUM COMENTÁRIO

Deixe uma resposta

61 − 53 =