O pau quebrou! Agressões marcam eleição da Caprichosos, que tem novo presidente

Por Luiz Felippe Reis

As lideranças políticas da Caprichosos disputaram literalmente a tapa a eleição realizada nesta quinta-feira, 16, na quadra, em Pilares, Zona Norte do Rio. Depois de muita confusão, troca de empurrões e alguns socos, a vitória – no voto – foi de Carlos Fernando Leandro, que é o novo presidente da escola para o triênio 2017-2020.

Carlos Fernando Leandro é o novo presidente da Caprichosos; Juliana Leandro será presidente de honra na gestão – Foto: Arquivo pessoal

O prenúncio de confusão foi lançado na tarde da última quarta-feira, 15, quando os adversários políticos Carlos Fernando e Paulo de Almeida, dois dos maiores detentores de títulos de sócio proprietário e, portanto, principais forças da azul e branco, selaram um acordo, através de um comunicado, para adiar a eleição e aguardar deliberação judicial que analisa os trâmites da eleição de 2014. No entanto, o documento assinado pelos dois não tinha validade legal e oficialmente vale o edital de convocação da eleição publicado na semana passada, dia 7 de março. E, de fato, valeu o escrito. O pleito desta quinta-feira aconteceu.

Briga teve até arma de fogo apontada

O edital de convocação foi feito por Paulo de Almeida, que não compareceu à quadra para a eleição. Pela manhã, a atual diretoria da escola resolveu que haveria votação dos sócios proprietários para definir o futuro da Caprichosos. E foi a partir daí que o bicho pegou.

Alguns integrantes da situação, que tem uma junta administrativa (Lee Santana, Sidney de Pilares, Jorge 101, Tia Maria e Fábio Caprichosos), discutiram com a oposição (encabeçada por Carlos Fernando e Juliana Leandro). A discussão logo se transformou em baixaria. Empurrões, socos, xingamentos, teve até quem sacasse uma arma de fogo no meio da confusão. O clima ficou pesado no ambiente, que foi se acalmando com o passar das horas.

Carlos Fernando (ao fundo) e Josimar Nunes (abaixo)

 

Josimar Nunes (novo vice-presidente)
Juliana Leandro na eleição da Caprichosos
Josimar Nunes assinando a ata com o advogado da chapa vencedora Maurício Terciotti
Compositor Lee Santana, integrante da comissão administrativa que comandava a Caprichosos desde o ano passado
Eleitores

Após muito tumulto, os sócios votaram e escolheram: Carlos Fernando é o novo presidente da Caprichosos, Josimar Nunes é o vice-presidente e Juliana Leandro presidente de honra. A ata da eleição foi registrada no RCPJ.

Foram 20 votos a zero. Em 2013, o advogado Edson Tessier doou seus seis títulos a Carlos Fernando, que passou a ter 19. O último voto foi de Josimar Nunes, vice-presidente da chapa e também sócio proprietário na escola, o que formou a maioria dos votos.

Carlos Fernando Leandro é filho de Alberto Leandro e neto de Fernando Leandro, dois ex-presidentes da Caprichosos. A família ficou no poder por 15 carnavais, entre 1990 e 2004, em 14 deles com a escola no Grupo Especial. A representante de Pilares disputa o Grupo de Acesso C em 2018.