Prefeito, presidente da Beija-Flor vai repor símbolo na entrada de Nilópolis

Por Luiz Felippe Reis

No início do mês passado a cidade de Nilópolis, majoritariamente, decidiu que Farid Abrão deveria voltar ao comando da prefeitura do município. E o prefeito eleito, que retorna à função após oito anos, já chegou demonstrando que quer imprimir algumas marcas da época dele no cargo.

É que o novo dono do poder maior da região, que começa a mandar a partir de 1° de janeiro de 2017, anunciou ao Sambarazzo que vai reconstruir a estátua do beija-flor, que fazia referência à escola de samba na entrada da cidade e que foi retirada pelo atual prefeito, Alessandro Calanzans, que pertence a um grupo político opositor a Farid.

beija-flor-imagem
A estátua do beija-flor, em homenagem à escola de samba de Nilópolis, vai voltar ao pórtico da cidade da Baixada Fluminense – Foto: Reprodução/Internet

– Era pelo menos uma lembrança do pássaro beija-flor. Ele tirou, e o cara (o prefeito Alessandro Calazans) era tão problemático que quando a Beija-Flor ganhava, ele vinha na quadra e dizia que era uma festa, mas depois tirou o símbolo da cidade. Vai voltar, lógico – garantiu o presidente da Beija-Flor.

feijoada-do-sambarazzo-ii-novo

farid-capa
Eis o novo prefeito de Nilópolis, a partir do ano que vem: Farid Abrão David, também presidente da Beija-Flor – Foto: Reprodução

Mais de 60 mil nilopolitanos (60% dos votos válidos) apertaram o 14 – número do PTB, partido do candidato, e confirmaram que o poder maior de Nilópolis deveria voltar às mãos do presidente da Beija-Flor, principal patrimônio cultural da cidade.

*Foto de capa: Alexandre Macieira/Riotur