Tristeza! Problema com alegoria estraga festa da Grande Rio: ‘Papai do céu não quis’

Por Kaio Sagaz

O sonho do título inédito da Grande Rio pode ter ficado mais distante após o desfile da escola na primeira noite reservada ao Grupo Especial. O sexto carro da escola não conseguiu entrar na Sapucaí por causa de um problema com a roda da alegoria, que ficou presa na calçada da Av. Presidente Vargas, ainda na concentração da tricolor.

Depois de tentar por mais de 20 minutos, sem sucesso, desprender o carro, a direção da agremiação precisou deixar o carro que fecharia a homenagem ao icônico apresentador Chacrinha pra trás. Por causa do acidente, a escola ficou muito tempo parada na Avenida e, como numa reação em cadeia, murchou boa parte dos componentes, que estavam empolgados com a estreia da dupla de carnavalescos Renato e Márcia Lage na escola de Duque de Caxias.

Sufoco! A última alegoria da Grande Rio empacou ainda na concentração – Foto: Sambarazzo
O sexto e último carro a ilustrar o enredo sobre Chacrinha só entrou na pista com a ajuda de reboques – Foto: Sambarazzo

Presidente da Grande Rio, Milton Perácio ficou inconsolável com o acidente.

– A gente fica, realmente, perdido. A escola vinha fazendo um desfile lindo, maravilhoso, e acontece esse problema. Isso é do samba – lamentou.

Presidente Hélio de Oliveira lamentou a perda do ultimo carro

Outra liderança da Grande Rio, Helinho de Oliveira preferiu ser mais enfático com a situação enfrentada pela escola.

– O que não tem solução, resolvido está. Fizemos uma belo desfile, Papai do céu não quis, agarrou o último carro e uma hora chega a nossa vez. A vida continua – concluiu.

Veja fotos do desfile!