Quem vê Tuane Rocha cruzar a Passarela do Samba não imagina que esse espetáculo de mulata tem entre suas principais características a timidez. Com um jeitinho especialmente acanhado, a bela de 33 anos encontrou na dança e no teatro a desenvoltura necessária para se apresentar diante de grandes plateias. Sorte a nossa, que pode conferir hoje um ensaio sensual ousado, no qual ela mostra as curvas perfeitas que rendem à moça o título de mulherão.

– Minha formação de teatro me deu base para isso. Eu era muito tímida quando era pequena. Muito tímida mesmo. Quando entro no palco, de biquíni, toda montada, eu falo que é a Lorena que vai entrar. Eu me transformo – conta Tuane, que se traveste do pseudônimo apenas nos shows que faz como passista.

Atualmente, a nova estrela do ensaio do Sambarazzo desfila como destaque e coordenadora da ala de mulatas-show da São Clemente. Mas Tuane já emprestou sua beleza a mais escolas do Carnaval carioca, como Rocinha, Salgueiro, Vila Isabel e Imperatriz Leopoldinense, onde iniciou sua carreira no samba.

Foi em 1999, quando ela se aventurou e concorreu ao concurso “Garota Imperatriz”, do qual saiu vencedora, permanecendo como musa por cinco anos consecutivos. De lá para cá, Tuane visitou dezenas de países propagando a cultura brasileira do samba, e, ao mesmo tempo, se desdobrava para dar conta da maternidade. Mãe aos 13 anos, ela conciliou os compromissos carnavalescos com os cuidados na educação da filha, Jennifer Rocha.

– Na minha primeira viagem para o exterior, minha filha tinha 7 anos. Sempre a eduquei para ser independente, ela cresceu com essa disciplina. É o meu maior orgulho. Ela não é ligada ao samba, e eu respeito muito isso – frisa.

Como não é adepta à academia, já que não curte musculação, Tuane credita seu corpaço à dança e à genética.

– Meu corpo é resultado de tanque, casa. E, claro, da dança. Não é só no Carnaval que a gente se apresenta. Tem uma rotina de apresentações o ano todo. Eu não malho porque não tenho tempo. Só a dança e o samba mesmo já me ajudam a manter o corpo – garante a beldade, que diz comer de tudo.

Se pudesse ocupar outra posição que não a de passista numa escola de samba, Tuane Rocha surpreende no desejo: em vez de querer uma vaga no cobiçado posto de rainha de bateria, ela gostaria mesmo era de ser presidente. A inspiração vem do Salgueiro, onde a principal dirigente é uma mulher, Regina Celi.

– Nos meus trabalhos, eu sempre viro um ponto. É a Tuane que fala, que expõe os problemas. Ou seja, sou a coordenadora. Quando vou ao Salgueiro e vejo a Regina, sinto orgulho. As pessoas pensaram que ela não seria capaz e, hoje, o Salgueiro é uma potência. Fico mais admirada com ela até do que com a Viviane (Araújo, rainha de bateria salgueirense), de quem também sou uma grande fã – compara.

Enquanto Tuane ainda não manda ver na presidência de uma agremiação, ela dá as ordens nesse ensaio sensual que faria qualquer um obedecer a mulata. Confira as fotos!

 

BATE-PAPONome: Tuane Moreira da Silva RochaIdade: 33 anosSigno: Gêmeos

Local de nascimento: Praça XV, Rio de Janeiro

Bairro onde mora: Vila da Penha

Casa ou apartamento? Apartamento

Mora com quem? Com minha filha

Namorando ou ficando? Namorando

Filhos? Uma filha, de 20 anos

Profissão: Atriz e dançarina

Cor preferida: Vermelho

Animal de estimação: Não tenho. Mas amo uma calopsita

Livro: Bíblia

Filme: “Gladiador”

Um homem: Deus

Uma mulher: Minha mãe, Eva

Religião: Evangélica, da Igreja Projeto Vida Nova

Novela: “O Clone”, de Glória Perez

Um Samba: “Aquarela Brasileira”, Império Serrano (1964)

Grife: Burberry

Não uso nunca: Cueca

Perfume: Burberry London

Não saio de casa sem: Celular, maquiagem e perfume

Carro que tem e o que gostaria de ter: Tenho um HB20 e gostaria de ter um Hyundai i35

Cantor: Bruno Mars

Cantora: Beyoncé

Ator: Richard Gere

Atriz: Meryl Streep

Música: “Thinking Out Loud”, de Ed Sheeran

O que eu quero: Ver minha filha formada e quero ser feliz

O que eu não quero: Não quero ver as pessoas que amo sofrerem ou passando por alguma dificuldade

Gosto de ir: Londres

Não gosto de ir: Cemitério

Time: Botafogo

Programa de TV: Todos os telejornais

Se não fosse passista, que outra função gostaria de exercer numa escola de samba? Presidente de escola de samba.

Fotografia: Ricardo Almeida

Maquiagem: Victor Waltz
Produção: Mariana Moreno
Making of vídeo: Paulinho Thomaz
Making of fotos: Carol Martins